Assinatura RSS

YES I CAN(not)


Eu digo sim. Digo sim a enxurrada sem propósito de alegria que queira vir. Digo sim as coisas que não posso controlar e as coisas controláveis que não poderiam ser de outra maneira. Eu me contenho. Contento-me com os contratempos e posso até de vez em quando, quem sabe, sucumbir a eles.
Hoje é um dia dos muitos. Aqueles onde nada te surpreende e ninguém te satisfaz. Eu digo sim a mim. Mais uma vez sou eu, sem alma, sem paixões, sem futuro. Digo sim ao que vier porque nessa altura das amargura qualquer coisa será um acréscimo ao nada que sou.

Sobre Nara Gabrielly

99,9% morta por dentro

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: